Chris Brown rebate atriz e haters sobre cultura do cancelamento seletivo: “Cadê o cancelamento para artistas brancos?”

Eita que tá pegando fogo! Chris Brown fez um grande desabafo nas redes sociais após ver criticas relacionada ao lançamento da música “How Does It Feel” da cantora Chloe. Muitos fãs dela tem feito comentários infelizes contra os dois e voltam ao assunto de 14 anos atrás.

Tudo começou quando um ex atriz da Disney, Kiely Williams (participou do episódio de Zack e Cody Gêmeos em Ação junto com CB), criticou Chloe pela nova colaboração: “Deixe-o lançar seu próprio disco – tão genial, tão cativante que nos fará esquecer que ELE BATE EM MULHERES. Ele não pode, então ele não vai. Então o que ele faz? Ele lentamente volta ao mainstream, obtendo pequenos acenos para recursos sobre o mérito das mulheres negras. Mulheres negras que são mais talentosas, mais dignas, mas dão a ele o ok. Estou golpeando a porra do ar. Lixo.

Essa foi a gota d’gua para Chris Brown desabafar e soltar todas as farpas para haters e a própria atriz. Segue postagens e traduções:

Ele não parou por ai, a sequencia de stories expõe a seletividade do público quando o assunto é “cultura do cancelamento“, citando até mesmo o casal Blueface e Chrisean que vivem se agredindo publicamente e a internet trata como algo normal. Chris Brown era jovem quando agrediu Rihanna e foi condenado por isso. Anos depois ele explicou o que aconteceu na noite do incidente e como ambos partiram para agressão (Documentário “Welcom To My Life“).

Além disso, compara a convivência entre ARTISTA BRANCOS problemáticos e o público, dentre eles, Chris Brown é o mais atacado. Um fã levantou a questão que “Se a vitima não fosse a Rihanna o cancelamento seria o mesmo? As pessoas estão preocupadas com as mulheres atacadas o quão são famosas? Outros artistas agrediram suas parceiras (não famosas) e continuam como se nada tivesse acontecido“. É claro que CONDENAMOS todos os atos de agressão, mas a seletividade das pessoas em problemas desse tipo é visível.

Chris diz que o racismo está entre a seletividade do cancelamento virtual e publica fotos de outros famosos acusados de violência domestica que quase ninguém ouviu falar. Entre os artistas estão: Sean Penn, Mel Gibson, Nicolas Cage, Ozzy Osbourne, Tommy Lee, Slash, Charlie Sheen, Steven Seagal, Emma Roberts, Carmen Electra, Christian Slater, Josh Brolin, Tom Sizemore, Jame Caan, Vince Neil e Mickey Rourke.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continuar lendo

Chris Brown recebe 3 indicações ao BET Awards 2024

O BET Awards, premiação norte-americana voltada para personalidades negras para homenagear a excelência negra em música, televisão, cinema e esportes, divulgou seus indicados para a edição