“I Can Transform Ya” volta para YouTube após Chris Brown recuperar Direitos Autorais

Vocês se lembram a última vez que assistiram o videoclipe “I Can Transform Ya” no YouTube? Nem eu!

Fomos pegos de surpresa ao receber uma notificação do YouTube dizendo que o Chris Brown havia publicado um novo vídeo, o mais observado é que as visualizações e curtidas ainda são da época de lançamento.

Remoção e recuperação de Direitos Autorais:

O vídeo estreou na MTV Networks em 27 de outubro de 2009 e posteriormente no YouTube, na época os direitos autorias das filmagens do videoclipe “I Can Transform Ya” e “Crawl” eram totalmente da RCA/Jive Label Group, que foi um grupo de curta duração da gravadora Sony Music. Foi a fusão da RCA Label Group com a Jive Records.

O grupo foi formado em 2007 sob o nome de BMG Label Group (Zomba Label Group), foi rebatizado como RCA/Jive Label Group em 2009, e foi finalmente dissolvido em dois grupos distintos em 2011: Epic Label Group e RCA Music Group. Embora a RCA / Jive Label Group tenham repartido seus conteúdos, muitas vezes apareceram como autor de direitos fonográficos e cenográficos titular em lançamentos.

Por esse motivo e confusões internas na divisão, alguns clipes dos artistas agenciados foram removidos da internet e canais de exibições, incluído “Crawl” e “I Can Transform Ya”. Catoras como Ciara e Britney Spears também tem confusões como essa.

Ainda não temos informações se as empresas se entenderam ou se houve uma nova fusão, mas olhando nos créditos do videoclipe é possível ver as empresas mencionadas:

Vamos torcer para “Crawl” voltar também, mas seu vídeo com apensas música está disponível no canal oficial do Chris mas sem direitos para RCA/Jive Label Group já que não tem cenas do videoclipe, apenas fotos.

Não tem informações da extinta empresa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continuar lendo

Chris Brown recebe 3 indicações ao BET Awards 2024

O BET Awards, premiação norte-americana voltada para personalidades negras para homenagear a excelência negra em música, televisão, cinema e esportes, divulgou seus indicados para a edição